Heptacampeão na F1, Schumacher completa 53 anos e quadro de saúde é mistério

Um acidente de esqui, em 2013, mudou bruscamente a vida do ex-piloto Michael Schumacher, que hoje completa 53 anos. O estado de saúde do heptacampeão mundial de Fórmula 1, guardado a sete chaves pela família, ainda é o maior mistério para fãs, jornalistas e amantes do esporte.

Schumi, como é carinhosamente chamado, sofreu diversos danos cerebrais enquanto curtia férias com a família num resort em Méribel, na França e, mesmo que longe dos holofotes e do convívio em sociedade, recebeu diversas mensagens nesta segunda-feira (3). Desde que recebeu alta do hospital, para seguir recebendo cuidados especiais em casa, o alemão está em Lake Geneva, na Suíça.

“Dias como este foram importantes para aumentar minha paixão pelo automobilismo, e ainda o fazem hoje. Sou grato por todas as experiências que você me passou e empolgado para ter novas no futuro”, escreveu Mick, herdeiro e atual piloto da Haas, na publicação em que postou foto no colo de Michael, quando ainda criança.

Schumacher, que tinha Ayrton Senna como uma das principais referências, segue como o maior campeão da história da Fórmula 1, empatado com o inglês Lewis Hamilton; ambos têm sete títulos.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: