Trump rebate Rapinoe, fala em ‘desrespeito’ e antecipa convite

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, rebateu as falas de Megan Rapinoe que disse que não iria à “porra da Casa Branca”, caso a seleção nacional vença a Copa do Mundo feminina, que está sendo disputada na França. O político usou, como de costume, as redes sociais para responder à capitã da equipe.

“Eu sou um grande fã da seleção estadunidense e do futebol feminino, mas Megan deve GANHAR antes de FALAR! Termine o serviço!”, escreveu Trump em seu Twitter.

Donald J. Trump

@realDonaldTrump

Women’s soccer player, @mPinoe, just stated that she is “not going to the F…ing White House if we win.” Other than the NBA, which now refuses to call owners, owners (please explain that I just got Criminal Justice Reform passed, Black unemployment is at the lowest level…

40,3 mil pessoas estão falando sobre isso

Rapinoe tinha afirmado que não iria à Casa Branca e disse que o presidente não convidaria a equipe para o encontro oficial. Em sua rede social, o presidente continuou sua resposta e atacou diretamente Rapinoe repreendendo a jogadora pelo seu posicionamento.

“Nós ainda não convidamos Megan ou o time, mas agora eu estou convidando o TIME, ganhando ou perdendo. Megan nunca deveria desrespeitar nosso país, a Casa Branca ou a nossa bandeira, especialmente porque muito foi feito por ela e pelo time. Se orgulhe da bandeira que veste. Os EUA estão MUITO BEM!”, respondeu Trump.

Os Estados Unidos enfrentam as donas da casa França, nessa sexta (28), às 16h (de Brasília), pelas quartas de finais da Copa do Mundo feminina.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: