No retorno de Marta, Brasil perde de virada para Austrália

O Brasil construiu a vantagem com Marta e Cristiane, mas a Austrália conseguiu correr atrás do prejuízo e virar a partida com gols de Foord, Logarzo e Mônica (contra).

O Brasil, assim como a Austrália teve dificuldades de chegar ao ataque e o grande primeiro momento de tensão foi uma consulta ao VAR.

Aos 21 minutos, a tecnologia entrou em ação para verificar um possível pênalti para as australianas. Contudo, no mesmo lance, teve toque de mão de Yallop e a partida seguiu.

Mas o pênalti foi marcado – só que para o Brasil. Aos 25, Letícia Santos foi puxada na área por Knight e a árbitra marcou pênalti. Com categoria, a camisa 10 deslocou a goleira Williams e mandou a bola para o fundo da rede.

Com o gol, Marta se juntou a Miroslav Klose no clube de maiores artilheiros da história das Copas do Mundo, com 16 tentos. Além disso, Marta se tornou a primeira jogadora a marcar em cinco edições diferentes de Mundial.

E ainda antes do intervalo, o Brasil marcou outro lindo gol para fazer 2 x 0. Tamires puxou a jogada e deu uma bela caneta em Gielnik, tocou para Debinha que foi no fundo e cruzou para a área. Lá, a bola encontrou Cristiane, que cabeceou forte no canto.

os acréscimos, contudo, a Austrália conseguiu diminuir (46′). Em bola alçada na área, Mônica não conseguiu tirar de cabeça e a sobra ficou para Foord empurrar para o gol.


⏱Segundo tempo

A primeira grande chance após o intervalo foi do Brasil (3′). Debinha deu uma caneta na marcadora, entrou na área e chutou. A bola passou muito perto da trave.

Entretanto, as Matildas que conseguiram chegar ao empate. Logarzo tentou cruzar, mas a bola não desviou em ninguém e acabou indo para o fundo da rede (12′).

E, em um lance controverso, a Austrália conseguiu a virada. Mônica tentou desviar bola levantada na área e acabou mandando contra o próprio gol. A árbitra checou o VAR para verificar uma possível influência de Kerr na jogada, mas acabou validando o lance.

O Brasil ficou visivelmente abalado em campo após o terceiro gol das australianas e não conseguiu arrancar um empate.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: