Brasil conquista quatro medalhas no primeiro dia do Sul-Americano

A estreia da Seleção Brasileira de ginástica rítmica foi em grande estilo no Sul-Americano de Cochabamba, na Bolívia. No primeiro dia de competições, o País conquistou quatro medalhas.

Natália Gaudio faturou a medalha de ouro na bola, ao tirar 14,850. A brasileira ainda subiu outra vez no pódio, já que também conquistou o bronze na decisão do arco, ao somar 12,250.

Quem também levou duas medalhas foi Mariany Miyamoto, nas mesmas provas que Natália. No arco, a ginasta foi prata com 13,000, enquanto ficou com o bronze na final da bola, com 14,250.

Além disso, o Brasil está na liderança por equipes na competição. Por isso, a treinadora Monika Queiroz está satisfeita com o desempenho da ginástica rítmica nacional no Sul-Americano.

“Estamos na frente por equipes na somatória de todas as ginastas e, nas provas finais, tivemos as medalhas no arco e na bola. Isso significa que a equipe está coesa e que temos todas as chances de finalizar esse Sul-Americano de uma forma muito competente”, disse a técnica.

O Sul-Americano segue até a próxima sexta-feira. Confira abaixo a programação do torneio.

ATIVAR ALERTAS

Quinta-feira (28) 
Qualificatórias e Finais maças e fita
Conjunto três bolas e duas cordas

Sexta-feira (29)
Final individual geral
Finais conjunto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: