Edílson nega pênalti e critica arbitragem

Os jogadores do Grêmio não se conformaram com a marcação de pênalti para o Bahia já nos acréscimos da partida deste domingo, em Salvador. O árbitro Luiz Flávio de Oliveira acabou interpretando que Edílson atingiu Allione dentro da área e, graças ao lance, o Tricolor baiano conseguiu o gol no apagar das luzes e, consequentemente, a importante vitória no Campeonato Brasileiro.

Edílson, protagonista da jogada, fez duras críticas ao corpo de arbitragem da partida e questionou a função de alguns dos juízes que trabalham na Fonte Nova.

“No lance, os dois escorregaram. O mais engraçado de tudo é que houve uma discussão com o Corinthians semana passada a respeito do árbitro ali atrás. Eles não ajudam em nada, se omitem na hora ‘h’. Eles pipocam”, disse Edílson ao Premiere.

O lateral-direito do Grêmio também pediu urgentemente para que o sistema de árbitro de vídeo seja implementado no futebol brasileiro o quanto antes para que, segundo ele, erros como o que aconteceu neste domingo não se repitam e não prejudiquem as equipes.

“Acabaram de falar que iam colocar o árbitro de vídeo. Cadê o árbitro de vídeo em uma hora dessas? Também acho que é difícil para o juiz, mas eles são pagos para poder ajudar e não ajudam”, concluiu o jogador.

Com a derrota para o Bahia, o Grêmio perdeu a vice-liderança do Campeonato Brasileiro, que agora pertence ao Santos. A distância para o Palmeiras também já não existe mais, uma vez que ambas equipes agora somam 43 pontos na tabela. A equipe do técnico Renato Gaúcho tentará se recuperar do revés no próximo domingo, quando recebe o Fluminense, às 16h (de Brasília), em Porto Alegre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: