GP da Bélgica de F1 é interrompido por causa da chuva e Verstappen vence

O holandês Max Verstappen, da equipe Red Bull, precisou apenas de duas voltas para ser declarado vencedor do Grande Prêmio da Bélgica de Fórmula 1, neste domingo, prova que começou com mais de três horas de atraso e que foi interrompida por conta da forte chuva que caiu no circuito de Spa-Francorchamps.

A largada da 12ª etapa da F1 em 2021, marcada para as 15h00 locais (10h00 de Brasília), após duas tentativas, finalmente ocorreu às 18h17 (13h17), e os pilotos partiram dos boxes seguindo o safety car para completar apenas duas voltas (das 44 previstas), o mínimo previsto no regulamento da principal categoria do automobilismo mundial para conceder pontuação aos participantes.

De acordo com as regras, pelo menos duas voltas devem ser dadas para a atribuição de pontos. Se o líder completar menos de 75% da distância inicialmente planejada (44 voltas de sete quilômetros), apenas metade da pontuação é  distribuída.

Assim, Verstappen chegou em primeiro, seguido pelo britânico George Russell, Williams, equipe que não subia no pódio da F1 desde o terceiro lugar obtido por Lance Stroll ne GP do Azerbaijão de 2017, com o também britânico Lewis Hamilton (Mercedes) em terceiro.

O holandês, que largou da pole position, ganhou 12,5 pontos, Russell ficou com 9 e Hamilton 7,5 pontos.

Com este resultado, o atual campeão da F1 segue na liderança do Mundial com 202,5 pontos, três a mais que o segundo colocado Verstappen, que tem 199,5.

A próxima etapa da Fórmula 1 será no próximo final de semana, na Holanda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: