Com reuniões simultâneas na sede e na Toca II, Cruzeiro define a temporada

O Cruzeiro iniciou nesta segunda-feira (6) o planejamento para a reestruturação do futebol do clube após a nova realidade financeira e o descenso à Série B do Campeonato Brasileiro. Fontes ligadas ao clube confirmaram a presença de Alexandre Mattos na Toca da Raposa II já nesta manhã para iniciar encontros com os atletas e seus respectivos agentes. Mattos permanecerá no clube em uma espécie de consultoria voluntária pelos próximos 60 dias, uma vez que assumiu um cargo de gestão no Reading, da Inglaterra, e aguarda a liberação do visto para iniciar os trabalhos no clube europeu.

Em pauta, Mattos trabalha com Pedro Lourenço, responsável pela gestão do futebol do Cruzeiro, a redução da folha salarial do elenco. O teto de R$ 150 mil estabelecido pelo Núcleo Dirigente Transitório mostra-se um imbróglio. Todavia, casos podem ser revistos, balanceando os vencimentos entre o investimento em jovens jogadores e a manutenção de nomes experientes e identificados com o clube no elenco. Vale lembrar que Mattos foi o responsável por algumas contratações que ainda estão no Cruzeiro, como o caso do zagueiro Dedé, que possui ofertas para deixar a Raposa.

Quem também já participa desse processo de montagem do elenco é o técnico Adilson Batista, que também se encontra na Toca II para discutir os rumos do time para 2020. Ao Super FC, ele já havia adiantado que iria expor aos novos gestores do Cruzeiro suas ideias em termos de elenco, na expectativa de ajustar o time dentro das limitações salariais.

Reunião na sede 

Fora dos gramados, uma reunião acontece na sede administrativa do Cruzeiro na manhã desta segunda-feira (6). No encontro, a discussão passa em torno do objetivo de encontrar um novo CEO após a saída de Vittorio Medioli. Além disso, o clima de incertezas continua na sede, com funcionários aguardando resoluções quanto aos cortes de gastos que já foram anunciados pelo Núcleo Dirigente Transitório. A reportagem acompanhou a chegada de José Dalai Rocha, presidente interino do clube, que confirmou o encontro. Logo após sua chegada, outro que adentrou as dependências da sede administrativa foi o ex-presidente Cesar Masci, que no ano passado assumiu um cargo de assessor da presidência no clube, ainda sob a administração de Wagner Pires de Sá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: