Jogadores do Palmeiras admitem ‘momento difícil’

A eliminação na Copa Libertadores, seguida da apatia na derrota para o Flamengo por 3 a 0, no Rio de Janeiro, pelo Campeonato Brasileiro, ampliaram o momento de turbulência no Palmeiras.

A equipe terá cinco dias para trabalhar até o jogo contra o Goiás, neste sábado, no estádio Serra Dourada, em Goiânia, pela 18ª rodada do Brasileirão.

“Temos de nos fechar neste momento extremamente difícil. Estamos recebendo muitas críticas, muitas cobranças e temos de saber lidar com esta situação desagradável. Temos de trabalhar e dar uma resposta rápida para o nosso torcedor, provar que estamos na briga no Brasileiro”, afirmou o volante Bruno Henrique.

OBJETIVO ÚNICO

No Brasileirão, única competição que resta ao time de Luiz Felipe Scolari nesta temporada, o Palmeiras não vence desde o retorno da Copa América. Foram duas derrotas e cinco empates.

O pífio aproveitamento de 23,8% tirou o Palmeiras da liderança e o colocou na quarta colocação com 30 pontos, seis atrás do líder Flamengo e do Santos, o segundo colocado, mas com um jogo a menos que os dois.

“É um momento difícil de explicar. Quando a vitória não vem a cobrança é maior, a confiança vai embora, mas é esse elenco que vai ter que dar a volta por cima. Temos de tentar se arrumar o mais rápido possível, passar essa fase difícil. Todos estão sofrendo. Futebol é assim, há momentos bons e ruins, temos que saber suportar esses momentos ruins”, afirmou o goleiro Weverton.

Felipão promete mudanças de ordem táticas, mas destacou que, neste momento, o trabalho psicológico será fundamental para o elenco recuperar a confiança e conseguir conquistar os resultados novamente.

“Nós vamos ter de resgatar trabalhando. Bastante diálogo, mostrar os detalhes, o que tem acontecido. Temos de tentar, nessa semana, fazer algo melhor. Conversar bastante. Nada está terminado. Temos uma grande possibilidade de reação. Vamos ter de fazer esse trabalho em conjunto”, afirmou o treinador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: