PSG quer R$ 891 milhões por Neymar, diz jornal francês

O PSG está empenhado em resolver o logo o futuro de Neymar, mas sem descumprir uma exigência da família real do Catar, que é quem manda no time. Segundo o jornal “Le Parisien”, a saída do jogador só pode acontecer pelo valor de € 200 milhões (R$ 891 milhões), de modo a recuperar a maior parte do investimento de € 222 milhões (R$ 990 milhões, atualmente) feito no brasileiro dois atrás.

Neymar teria irritado o mandatário do grupo de investimentos que comprou o PSG em 2011 com o desejo de ir embora. Por essa razão, ele não quer flexibilizar o valor, ainda que o clube esteja interessado em resolver o futuro do atleta o quanto antes, já que o Campeonato Francês começou neste fim de semana. Aliás, segundo o jornal o brasileiro não deve mais ir a campo com a camisa do PSG e vai aguardar a definição de seu futuro sem jogar.

Para que tudo seja resolvido, o time parisiense estaria oferecendo condições especiais ao Real Madrid – o contrário do que tem feito com o Barcelona, desejo prioritário de Neymar. O acordo seria que o Real leve Neymar emprestado por uma temporada, com a obrigação de comprá-lo ao fim do vínculo. Desta forma, só pagariam pelo passe daqui a um ano.

O Barcelona também tentou negociar dessa forma, mas o PSG rejeitou. Além disso, o fato de que o Catar quer € 222 milhões deixaria os catalães de fora, uma vez que o clube planeja pagar no máximo € 170 milhões (R$ 757 milhões) pelo jogador – isso incluindo outros atletas na negociação.

De acordo com o Le Parisien, a entrada do Real Madrid na negociação “mudou tudo” na novela da saída de Neymar da equipe francesa. A vantagem merengue viria da ótima relação entre seu presidente, Florentino Pérez, e o mandatário do PSG, Nasser Al-Khelaifi. A imprensa francesa ainda diz que é possível que atletas como Bale, James Rodríguez, Modric ou Isco possam ser incluídos na negociação, o que agrada mais do que as opções oferecidas pelo Barcelona.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: