Onde será a Copa do Mundo feminina de 2023? O Brasil é candidato a país-sede?

A Copa do Mundo feminina de 2019 foi um sucesso de jogo, de público e de audiência. Diante disso, a FIFA começa a trabalhar para definir qual país será a sede do próximo Mundial, em 2023. O Brasil aparece como um dos candidatos a ser o anfitrião do evento.

Quer ver jogos ao vivo ou quando quiser? Acesse o DAZN e faça o teste por um mês grátis!

Veja as principais informações sobre a próxima edição da Copa do Mundo feminina.


Novo formato


O presidente da FIFA Gianni Infantino já tinha afirmado antes da final da Copa de 2019 que pretendia ampliar o número de seleções para a próxima edição. No fim de julho, a instituição confirmou que a próxima Copa do Mundo feminina contará com 32 seleções, diferente das 24 que jogaram em 2019.

(Foto: Richard Heathcote)

Assim, se classificam apenas duas seleções de cada grupo para as oitavas de final.

Dessa forma, o número de times nacionais se iguala ao da Copa do Mundo masculina, que até chegou a flertar com a possibilidade de 48 seleções, mas recuou.


O Brasil é candidato a ser país-sede?


O Brasil entrou oficialmente com a inscrição para ser o país-sede da Copa do Mundo de 2023, porém não aparece sozinho. Outros oito países aparecem como concorrência do Brasil:
Argentina, África do Sul, Austrália, Japão, Coreia do Sul e Coreia do Norte, Colômbia, Bolívia e Nova Zelândia.

A inscrição oficial saiu antes do anúncio da mudança da quantidade de participantes, que passou de 24 para 32. Por isso, a FIFA abriu uma nova inscrição que serão prorrogadas até outubro. O anúncio oficial da nova sede deve acontecer apenas em 2020.

(Foto: Getty Images)

O aumento do número de seleções pode causar dificuldades e a desistência de alguns países. O mais cotado para deixar a candidatura é a Nova Zelândia, de acordo com próprios jornais do país.

O Brasil, por outro lado, pode ser beneficiado, pois já sediou a Copa do Mundo masculina há cinco anos. A estrutura e os estádios já estão praticamente prontos, precisariam de algumas reformas, mas já mostrou que tem estrutura e tamanho suficiente para comportar o maior evento de futebol do mundo.


Quando será a próxima Copa do Mundo feminina?


Assim como o Mundial masculino, a Copa feminina acontece de quatro em quatro anos, sempre no ano ímpar posterior ao do torneio masculino. Portanto, a próxima edição do torneio acontecerá em 2023, menos de um ano depois da Copa do Mundo masculina no Qatar, que acontecerá entre novembro e dezembro de 2022.

(Foto: Richard Heathcote)

O torneio feminino deve acontecer no meio do ano de 2023, entre junho e julho, como já é de costume das edições anteriores.


Quais foram as campeãs das Copas do Mundo?


A Copa do Mundo feminina começou a ser disputada oficialmente em 1991. De lá para cá foram oito edições do torneio e apenas quatro países foram campeões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: