Veja provável escalação do Palmeiras para pegar o Godoy Cruz em ‘jogo do ano’ na Libertadores

Vivendo seu pior momento da temporada ao somar cinco jogos sem vitórias, o Palmeiras decide a classificação às quartas de final da Conmebol Libertadores nesta terça-feira, quando recebe o Godoy Cruz, no Allianz Parque, às 21h30. Após empate por 2 a 2 na Argentina, o Verdão avança em caso de um simples triunfo ou até mesmo com uma nova igualdade desde que não sofra dois gols.

Depois de poupar alguns titulares no empate contra o Vasco pelo Campeonato Brasileiro, Luiz Felipe Scolari deve escalar força máxima para a partida decisiva. Autor de um gol no primeiro jogo, Borja readquiriu moral dentro do elenco e é cotado para iniciar a partida, assim como o quarteto defensivo formado por Diogo Barbosa, Luan, Gustavo Gómez e Marcos Rocha, que sequer entrou em campo no fim de semana.

Dono da melhor campanha na fase de grupos, o Palmeiras perdeu a liderança do Brasileiro para o Santos na última rodada e passa por situação difícil, uma vez que vem de eliminação na Copa do Brasil para o Internacional e de cinco jogos sem triunfar, o que inflamou os ânimos da torcida.

“Estamos passando por um momento ruim mesmo. Defendíamos muito bem e atacávamos muito bem, às vezes a bola não entrava também. Agora as coisas estão acontecendo ao contrário. Temos de nos fecharmos. Temos um jogo extremamente importante na terça-feira. Temos de mobilizar 100% para voltar e fazer um grande jogo para conseguir a classificação”, disse o volante Bruno Henrique.

Enquanto o Palmeiras é contestado no Brasil, o Godoy Cruz vive um período de reformulação na Argentina. A equipe comandada por Lucas Bernardi perdeu quatro titulares após a fase de grupos e teve que repor as peças com contratações pontuais, além de nomes jovens já dentro do grupo.

Ainda assim, o time argentino não abre mão da Libertadores, tanto que é preservou boa parte dos titulares na partida diante do San Lorenzo no último sábado, quando acabou derrotado de virada por 3 a 2, com o terceiro gol do adversário sendo marcado em um pênalti polêmico nos acréscimos do segundo tempo.

A tendência é de que o Godoy Cruz repita a escalação do primeiro jogo, com destaque para Santiago García, autor dos dois gols da equipe no duelo da ida. Ele, inclusive, foi responsável direto pela eliminação alviverde na Libertadores de 2009. Na ocasião, aos 18 anos, ele marcou o gol do empate do Nacional, do Uruguai, na partida de volta.

FICHA TÉCNICA

Local: Allianz Parque, em São Paulo, Brasil

Data: 30 de julho de 2019, terça-feira

Horário: 21h30 (Brasília)

Árbitro: Esteban Ostojich (URU)

Assistentes: Richard Trinidad e Gabriel Popovits (URU)

VAR: Gery Vargas (BOL), auxiliado por Eduardo Gamboa (BOL) e Nicolás Taran (CHI)

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Gustavo Gómez, Luan e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Raphael Veiga (Gustavo Scarpa ou Lucas Lima); Dudu, Zé Rafael (Willian) e Borja; Técnico: Felipão

GODOY CRUZ: Mehring; Varela, Arena, Cardona e Aleo; Gutiérrez, Andrada e Bullaude; Brunetta, Merentiel e Santiago García; Técnico: Lucas Bernardi

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: