Gabriel Medina ainda não desiste de título mundial:

A próxima etapa do Circuito Mundial de surfe será realizada entre os dias 7 e 18 de outubro, em Landes, na França. A nona prova da competição promete fortes emoções, já que muitos surfistas permanecem na disputa pelo primeiro lugar, restando apenas três etapas para o fim da temporada. Entre eles, está Gabriel Medina, atual oitavo colocado com 30.750 pontos conquistados.

O surfista brasileiro continua com esperanças de garantir o bicampeonato mundial e deposita sua fé em um bom desempenho na prova francesa, onde conquistou sua primeira vitória na elite do surfe mundial, em 2011.

“França é um lugar especial para mim. Gosto de beach break que tem muita onda. Então, dá para arriscar. Meus melhores resultados aconteceram lá. Então, acredito que eu tenho boas chances de repetir um bom resultado e torcer para tudo dar certo para o resto do ano”, contou.

Medina também aproveitou para destacar sua confiança de que o título deste ano do Circuito Mundial ainda não está definido. No topo do ranking está Jordy Smith, da África do Sul, com 45.680 pontos. Como restam três provas para a conclusão do campeonato, 30.000 pontos ainda estão em disputa, fato que motiva o brasileiro de 23 anos.

“O título continua em aberto. Eu acredito até o final. Só se chegar em Pipe e ver que na matemática não dá mais. Está bem embolado. Claro que o da frente está com vantagem, mas tudo pode mudar. É uma etapa que ele vá mal, algum erro. É um detalhe que pode mudar tudo”, torceu.

Por fim, o atleta atribuiu uma lesão no joelho como um dos fatores que prejudicou seu desempenho neste ano. Logo na primeira etapa, Medina acusou fortes dores na região e, mesmo assim, terminou na terceira colocação. Quem venceu aquela prova foi o australiano Owen Wright.

“Isso me prejudicou bastante. Senti meu joelho até Fiji (quinta etapa). Foi um ano difícil para mim, mas acontece. A gente treina para evitar esse tipo de problema e competir bem o ano todo, mas tive a infelicidade de acontecer isso. Estou quase 100% e, independente do que acontecer esse ano, em 2018 vou voltar com tudo”, prometeu.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: